iPad Pro: O que a Apple copiou do Surface Pro 3 (e o que fez melhor)

 

Um teclado, uma caneta… Poxa, Apple. Mas seus avanços reais nos levam a olhar para frente e imaginar como será o Sufarce Pro 4

09 de Setembro de 2015 – 18h12

Depois de lançar o iPhone 6 Plus no ano passado, imitando phablets como o Lumia 1520 (e principalmente aparelhos da rival Samsung), a Apple copiou outra página do manual da Microsoft ao lançar o iPad Pro, que agora inclui um teclado e uma caneta semelhantes aos acessórios do Surface.

O novo iPad Pro – disponível por valores entre 799 e 1079 dólares nos EUA, com o armazenamento variando de 32GB e 128GB – estará disponível em novembro deste ano, um pouco depois do lançamento Surface Pro 4. Mas, por agora, as comparações entre o iPad Pro e o Surface Pro 3 são inevitáveis.

Dois elementos – o Smart Keyboard e o Apple Pencil – são a alegria dos fãs do Surface. (Eles serão vendidos separadamente, como acessórios, assim como no caso do Sufarce Pro 3).

O teclado inteligente da Apple lembra muito o “origami” dos tablets da Amazon. Como o Surface, ele se conecta ao tablet através de três conectores de metal, que transmitem dados, bem como energia. Diferente da cover da Microsoft, o teclado da Apple é feito de tecido! Estará disponível por US$ 169, em novembro.

E a Apple Pencil, uma caneta US$ 99, é bem longa. Bem mais que a caneta que vem com o Sufarce Pro 3. Schiller, da Apple afirmou que o iPad Pro e a nova Apple Pen trabalham juntas para dar a impressão diferentes níveis de pressão e espessura do traço. De alta precisão, permite “tocar um único pixel”, afirmou Schiller.

Durante a apresentação do produto, Schiller convidou executivos da Microsoft e da Adobe para mostrarem o Office e aplicativos como Adobe Fix funcionando no iPad, usando os novos periféricos e os recursos multitarefa do iOS 9.

O que o iPad Pro faz melhor que o Surface

Em outros aspectos, o iPad Pro salta à frente do Surface Pro 3. Para começar, ele é um pouco maior, com uma tela de 12,9 polegadas contra 12 polegadas do rival. E inclui um poderoso chip A9X, de 64 bits, mais rápido do que 80% dos PCs entregues ao mercado para venda nos últimos 12 meses, e 90 por cento mais poderoso, graficamente, segundo a Apple. Não temos detalhes sobre capacidade de memória.

A tela possui uma resolução maior do que a do Sufarce Pro 3: 2732 x 2048 pixels contra o display de 2160 x 1440 oferecido pela Microsoft. A duração da bateria é um pouco maior: 10 horas, contra 9 horas do Sufarce Pro 3. A Apple ainda mostrou recursos multitarefa, dividindo a tela em duas janelas diferentes que poderiam executar diferentes tarefas.

Por enquanto, as especificações de hardware do iPad Pro são, indiscutivelmente, um pouco superiores à do Sufarce Pro 3. Por isso, a Apple pode afirmar ter “reinventado” a ideia de produtividade nos tablets. Mas o Sufarce Pro 4 vem por aí… E as duas empresas pretendem abocanhar uma boa fatia do mercado corporativo.

0 Comments

Leave Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A SUA EMPRESA ESTÁ COM PROBLEMAS NO AMBIENTE DE TI?

A partir de uma consultoria com foco no seu negócio, avaliaremos o ambiente e operação de TI atuais e, junto com o gestor responsável, apresentaremos um plano de recomendação do ambiente tecnológico que irá gerar o melhor resultado financeiro para a sua empresa.

PARA MAIS INFORMAÇÕES

(11) 2789 -9944
rh@innovision.com.br | financeiro@innovision.com.br | comercial@innovision.com.br

Endereço: Rua Funchal, 411- 5º andar - Vila Olímpia - São Paulo - SP - Brasil